Italian Italiano

Cientista "crítico" da vacina contra o HPV vence processo por difamação no japão

Cientista "crítico" da vacina contra o HPV vence processo por difamação no japão

Um proeminente cientista, Shuichi Ikeda, "crítico" da vacina contra o HPV, ganhou um processo por difamação no Japão. Um revés para os cientistas que tentam desacreditar aqueles que fazem pesquisas independentes, mas o mainstream está pronto para fazer previsões pesadas sobre os efeitos colaterais perigosos ... não, não da vacina, mas da existência da sentença.

Riko Muranaka, médico e jornalista dell'Università di Kyoto, foi condenado pelo tribunal a pagar 3,3 milhões de ienes (aproximadamente US $ 30.000) em compensação, além de honorários advocatícios a Shuichi Ikeda, ex-diretora da escola de medicina da Universidade Shinshu, por falsas acusações, alegando que o Dr. Ikeda havia fabricado fraudulentamente sua pesquisa.

Riko Muranaka, che ripetiamo aver perso la causa e dover ora risarcire il ricercatore Shuichi Ikeda, per la sua ispirata difesa verso il vaccino aveva ricevuto il premio John Maddox nel 2017. Il prestigioso premio viene assegnato ogni anno dalla rivista Nature, dalla Kohn Foundation e dal charity Sense about Science, a una persona che promuove solide prove di fronte all'ostilità verso le vaccinazioni.

Un medico che ha combattuto in campagna anti-vaccino in Giappone ha appena vinto un prestigioso riconoscimento per la difesa della scienza.

A pesquisa preliminar de Shuichi Ikeda foi a principal causa da queda nas taxas de vacinação HPV in Giappone. Siè passati dal 70% nel 2013 a meno dell'1% di oggi. Ciò è avvenuto dopo che lo studio di Ikeda ha mostrato che il vaccino provocava danni cerebrali ai roditori, dati poi diffusi dai media, insieme a rapporti video di ragazze su sedia a rotelle e con attacchi epilettici dopo essere state vaccinate.


Fontes:

Imagem

Newsletter

Lembre-se de confirmar sua inscrição com o link que você encontrará nos e-mails que lhe enviamos

Política de Privacidade
0
ações

Estão interessados?

Siga-nos também nos nossos canais sociais ...

0
ações