Italian Italiano

Você sabia que as infecções da variante Delta após a vacina COVID-19 da AstraZeneca estão associadas a cargas virais até 251 vezes maiores do que as observadas anteriormente em casos infectados com a cepa original do vírus?

Você sabia que as infecções da variante Delta após a vacina COVID-19 da AstraZeneca estão associadas a cargas virais até 251 vezes maiores do que as observadas anteriormente em casos infectados com a cepa original do vírus?

Em um estudo sobre infecções entre profissionais de saúde, os autores descobriram que "entre 11 e 25 de junho de 2021 (7-8 semanas após a segunda dose), 69 funcionários testaram positivo para SARS-CoV-2. 62 participaram do estudo. A maioria eram assintomáticos ou levemente sintomáticos e todos recuperados. Foram obtidas 22 sequências genômicas completas; todas eram variantes Delta e diferiam de vírus contemporâneos obtidos da comunidade ou de pacientes hospitalares admitidos antes da epidemia. As cargas virais deduzidas dos valores de Ct foram 251 vezes maiores do que nos casos infectados com a cepa original em março/abril de 2020..."

fonte: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/34608454/

Imagem

Newsletter

Lembre-se de confirmar sua inscrição com o link que você encontrará nos e-mails que lhe enviamos

Política de Privacidade
0
ações

Estão interessados?

Siga-nos também nos nossos canais sociais ...

0
ações