Quando nasceu a vacina contra a pertussis?

Quando nasceu a vacina contra a pertussis?

Quando nasceu a vacina contra a pertussis?

NOTA IMPORTANTE: A Corvelva convida-o a obter informação aprofundada através da leitura de todas as secções e links, bem como dos folhetos dos produtos e fichas técnicas do fabricante, e a falar com um ou mais profissionais de confiança antes de decidir vacinar-se a si ou ao seu filho. Esta informação é apenas para fins informativos e não pretende ser um conselho médico.

coqueluche Jules Bordet assinadoA Bordetella pertussis foi descoberta em 1900 por dois microbiologistas belgas: Jules Bordet e Octave Genou. Eles pegaram catarro do filho de Bordet, Paul, que tinha coqueluche, e o submeteram a um procedimento de coloração de Gram. Olhando para o catarro ao microscópio, eles viram pequenos ovais rosa. Eles imediatamente suspeitaram que esses cocobacilos gram-negativos eram a causa da coqueluche. No entanto, demorou seis anos para descobrir como cultivar essas bactérias em laboratório para que os postulados de Koch pudessem ser satisfeitos. Somente em 1906, Octave Gengou e Jules Bordet, no Instituto Pasteur de Bruxelas, conseguiram cultivar a bactéria pertussis em meio artificial. Após essa descoberta, a bactéria pertussis foi renomeada Bordetella pertussis em homenagem a Jules Bordet.(1)

Quando foi publicada a descrição da técnica de Bordet-Gengou para o isolamento da bactéria pertussis (Bordet e Gengou, 1906), muitos pesquisadores começaram a experimentar vacinas baseadas em células inteiras mortas de B. pertussis. Essas vacinas foram desenvolvidas e usadas em crianças por, entre outros, Bordet e Gengou em 1912, por Nicolle do Pasteur Institute em Tunis em 1913 e por Madsen do Danish State Serum Institute em 1914.(2) Em 1914, a vacina pertussis foi listada em New and Nonofficial Remedies, uma publicação da American Medical Association (Council on Pharmacy and Chemistry, 1914, 1931).

Madsen, do Danish State Serum Institute, foi o primeiro a descrever o uso da vacina pertussis de células inteiras em larga escala(3). Embora sua vacina tenha controlado com sucesso dois surtos nas Ilhas Faroe, seu relato de 1933 relatou duas mortes em 48 horas após a imunização, o primeiro relato publicado de efeitos adversos graves após a vacinação contra pertussis. No mesmo ano, Louis Sauer, da Northwestern University Medical School, em Chicago, descreve reações secundárias a uma vacina pertussis de células inteiras usada nos Estados Unidos.(4)

Antes de 1949, a vacina bruta de células inteiras contra a pertússis era de uso limitado, e pesquisas médicas publicadas relatavam sérios efeitos colaterais, incluindo mortes, após a vacinação.(5-6)

Este artigo foi resumido e traduzido por Centro Nacional de Informações de Vacinas.

Corvela

Publique o módulo Menu na posição "offcanvas". Aqui você pode publicar outros módulos também.
Saber mais.

0
comparatilhe